FPS lança o primeiro centro de inovação do Nordeste especializado em saúde e educação

Pioneirismo, inovação, qualidade e credibilidade sempre foram premissas da Faculdade Pernambucana de Saúde. Com DNA inovador, a FPS chegou ao mercado há 13 anos com uma proposta de educação diferenciada para os padrões da época. Hoje é considerada instituição referência em educação de saúde no Norte-Nordeste.
Juntos, a FPS e o IMIP, um dos maiores complexos hospitalares do Norte-Nordeste, darão agora um importante passo para o futuro com o lançamento de um Centro de Inovação dedicado ao incentivo do empreendedorismo voltado para transformar a saúde e educação. O Centro tem o objetivo de conectar, formar e inspirar startups, pesquisadores, profissionais de saúde e de educação, estudantes, empreendedores e inventores a desenvolverem novos produtos, tecnologias, soluções e serviços que possam trazer impactos no desenvolvimento educacional e nos tratamentos de saúde. Como resultado, a melhoria da qualidade de vida do ser humano e a evolução contínua da prestação de serviços da FPS e do IMIP para a sociedade.
“A FPS e o IMIP sempre foram instituições preocupadas em permanecerem atualizadas. Por isso, estudamos sempre formas de manter nossos serviços modernizados. Agora, é a hora de construirmos um legado concreto de benefícios para a sociedade”, explica Carlos Figueira, Diretor Acadêmico.
O Centro de Inovação funcionará em Recife e contará com uma estrutura voltada para estimular, agilizar e favorecer o ambiente de inovação e o desenvolvimento de novos negócios, além de um espaço de coworking que será aberto ao público. O complexo ainda contará com uma Clínica Escola nas áreas de enfermagem, farmácia, fisioterapia, medicina, nutrição, odontologia e psicologia e um moderno Centro de Simulação Realística capaz de simular atividades clínicas que os estudantes e profissionais poderão vivenciar nos cenários de prática da saúde. 
O Centro de Inovação fomentará o empreendedorismo por meio de seus programas de pré-aceleração e incubação para startups em estágio inicial, e aceleração para startups mais maduras. Além de promover eventos e treinamentos que abrangerão todo o país. As startups incubadas no Centro contarão com serviços de assessoria e mentorias em diversas áreas, escritórios, salas de reuniões e auditório. Também terão acesso ao know-how dos profissionais e pesquisadores do IMIP e da FPS para solucionarem problemas e desafios, desenvolver, prototipar e validar seus produtos, o que possibilitará uma rica troca de experiências com profissionais da saúde, da educação e pacientes. Ter um ambiente voltado para essa área específica é propício para que aconteçam novas parcerias e geração de negócios.
Gilliatt Falbo, presidente do IMIP e coordenador acadêmico da FPS, é entusiasta da tecnologia aplicada na saúde e educação. “A inteligência artificial, a engenharia genética, a realidade aumentada, a robótica, entre outros avanços tecnológicos, vão impactar profundamente as práticas de saúde, na qualidade de vida e nos costumes e hábitos da sociedade num futuro bastante próximo. E estamos nos preparando para isso” comenta.
As primeiras atividades foram iniciadas e, em julho, a FPS lançará um processo seletivo para startups que trabalhem com soluções nas áreas de saúde e educação possam prototipar e validar seus negócios utilizando os campos de prática do IMIP e da própria FPS.

Comentários

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *