A inovação é uma marca do curso de Odontologia da FPS, reconhecida pelo conceito máximo obtido no processo de autorização de funcionamento. O estudante tem a oportunidade de vivenciar durante a graduação diversos cenários de aprendizagem nas áreas das Ciências Biológicas e da Saúde, Ciências Humanas e Sociais e Ciências Odontológicas.

O egresso sairá com formação ética, humana, crítica, técnica e consciente do seu papel social, enquanto cirurgião-dentista.

 

Áreas de atuação

O cirurgião-dentista pode atuar tanto na área de clínica odontológica, quanto em atividades profissionais nos segmentos da gestão, ensino e pesquisa.

A carreira profissional requer compromisso com a formação continuada e pode ser:

  • Odontólogo ou gestor na rede de saúde do Serviço Único de Saúde (SUS), como: Unidades básicas de saúde (UBS/PSF), Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), Unidades de Pronto-Atendimento (UPA), Hospitais;
  • Autônomo ou contratado em consultórios e/ou clínicas odontológicas do segmento privado;
  • Gestor de empresas na área de odontologia, como clínicas, planos de saúde, clínicas radiológicas, indústrias e lojas de produtos odontológicos;
  • Gestor, Administrador, Consultor, Perito ou Auditor de Organizações Públicas ou Privadas em Saúde;
  • Docente em instituições de ensino públicas e privadas: nível técnico, graduação e pós-graduação;
  • Pesquisador em instituições de pesquisa ou ensino superior;
  • Odontólogo nas forças armadas, polícia militar e bombeiros.

Ato Autorizativo: Portaria MEC nº292 de 18/06/2019 (Publicada no D.O.U. 26/06/2019, Seção 1, pág.82)

Conceito de Curso MEC: 5

aluna com camisa verde

O curso

O curso de Odontologia da FPS ocorre de forma presencial, no turno vespertino, com 4.308h, integralização mínima de 5 anos e máxima de 8 anos. As atividades teóricas e práticas em laboratórios e clínicas de ensino são desenvolvidas no campus localizado na cidade do Recife. A FPS tem convenio para práticas diversificadas, por exemplo, a Rede do Sistema Único de Saúde, o Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira – IMIP, clínica de radiologia odontológica e laboratório de prótese.

Apresenta diferencial inovador, dentre todas as graduações atualmente existentes na região, devido a:

I. currículo integrado, ou seja, as disciplinas teóricas e práticas são organizadas em formato de módulos que visam o desenvolvimento de competências para os diferentes ciclos de vida do ser humano e níveis de complexidade da odontologia;

II. prática desde o 1º período do curso;

III. uso de recursos tecnológicos inovadores, por exemplo, realidade virtual, softwares para o estudo de imagens, filmagem e minicamera intraoral nos laboratórios de simulação;

IV. metodologia ativa centrada no estudante, como o método da Aprendizagem baseada em problemas (ABP*) com tutorias de, no máximo, 12 estudantes.

*O método da Aprendizagem Baseado em Problemas (ABP) propicia a construção do conhecimento de forma construtiva, contextual, cooperativa e autodirigida. Para o desenvolvimento dessa proposta utiliza-se como veículo principal o grupo tutorial. A dinâmica tutorial fundamenta-se em encontros, duas vezes por semana, com no máximo 12 estudantes por grupo, distribuídos de forma randômica e facilitados por um tutor.  A metodologia ABP parte de uma situação problema para a formulação dos objetivos de aprendizagem, que irá subsidiar o estudo individual e posterior compartilhamento do conhecimento no grupo tutorial.  No intervalo das tutorias, o estudante participa do ambiente virtual de aprendizagem mediado pelo tutor. Trata-se, portanto, de um processo acolhedor, acessível e inclusivo, estando o estudante no centro do processo. 

 

Objetivos

O curso de odontologia da FPS baseado no perfil do egresso tem como objetivo graduar o profissional cirurgião-dentista com competências voltadas para o desenvolvimento intelectual/profissional autônomo, com compromisso político-ético-social, de modo a assegurar a integralidade da atenção à saúde, a qualidade e a humanização do atendimento prestado ao indivíduo, a família e a comunidade.

Em consonância com suas diretrizes curriculares (Resolução CNE/CES 3, de 19 de fevereiro de 2002) tem como perfil de egresso um Cirurgião-dentista com formação generalista, que expresse a formação ética, humanística, crítica e reflexiva, capacitado para atuar em harmonia com a equipe de saúde bucal e demais profissionais, intervindo no processo saúde-doença em seus diferentes níveis de atenção, desenvolvendo ações de prevenção, promoção, recuperação e reabilitação, na perspectiva da integralidade da assistência, com senso de responsabilidade social e compromisso com a cidadania e sua educação permanente.

Eixos Temáticos

São trabalhados quatro eixos temáticos norteadores:

  • Ensino e Pesquisa
  • Odontologia Interdisciplinar nos Ciclos de Vida
  • Saúde e Comunidade
  • Ética, Gestão e Humanismo

Para atender as competências do egresso cirurgião-dentista de:

  • Comunicação
  • Tomada de Decisão
  • Educação Permanente
  • Atenção à Saúde
  • Liderança
  • Administração e Gerenciamento

Conteúdos curriculares

Foram contempladas no Projeto Pedagógico as áreas de conhecimento descritas nas Diretrizes Curriculares (BRASIL, 2002):

  • Ciências Biológicas e da Saúde – incluem-se os conteúdos (teóricos e práticos) de base moleculares e celulares dos processos normais e alterados, da estrutura e função dos tecidos, órgãos, sistemas e aparelhos, aplicados às situações decorrentes do processo saúde-doença no desenvolvimento da prática assistencial de Odontologia;
  • Ciências Humanas e Sociais – incluem-se os conteúdos referentes às diversas dimensões da relação indivíduo/sociedade, contribuindo para a compreensão dos determinantes sociais, culturais, comportamentais, psicológicos, ecológicos, éticos e legais, nos níveis individual e coletivo, do processo saúde-doença.
  • Ciências Odontológicas - que incluem os conteúdos (teóricos e práticos) de: propedêutica clínica, onde serão ministrados conhecimentos de patologia bucal, semiologia e radiologia; clínica odontológica, onde serão ministrados conhecimentos de materiais dentários, oclusão, dentística, endodontia, periodontia, prótese, implantodontia, cirurgia e traumatologia buco-maxilo-faciais; e odontologia pediátrica, onde serão ministrados conhecimentos de patologia, clínica odontopediátrica e de medidas ortodônticas preventivas.

LABORATÓRIOS

Laboratório de Habilidades Semiologia

Laboratório de Habilidades Procedimentos;

Laboratório de Imagem;

Laboratório de Anatomia Modelo;

Laboratório de Anatomia Dissecção;

Laboratório de Habilidades Odontologia I e II;

Laboratório de Recursos Digitais;

Laboratório de Comunicação;

Laboratório Multidisciplinar;

Laboratório de Microbiologia;

Laboratório de Hematologia, Imunologia e Bioquímica.

Prática profissional

No currículo do curso de odontologia da FPS há a Vivência da Prática Profissional que inclui:

  • Prática em Atenção Primária
  • Prática ambulatorial em clínica de ensino
  • Integração
  • Estágio curricular supervisionado (1068 horas)

A extensão e a pesquisa são integradas com o ensino, constituídas de atividades culturais, de humanização e de assistência desenvolvidas na comunidade, supervisionadas pelos docentes; e o trabalho de conclusão de curso consiste em um projeto de pesquisa apresentado em formato de artigo, com orientação do corpo docente da Faculdade.

Formas de ingresso

Ingresso para vagas novas: Os estudantes podem ingressar via Vestibular.

Outras formas de ingresso, entrar em contato.

A FPS adere aos programas PROUNI, FORMASUS e FIES, com vagas para Odontologia, a partir de 2020.

Ingresso para vagas remanescentes: Seleção pela nota do Enem, Transferência ou como Portador de diploma (sujeito a disponibilidade de vagas).

Todos os editais das seleções ficam disponíveis no site da instituição, durante os processos.

 

Nivelamento

Curso de Linguagem, Escrita e Produção Acadêmica

Curso de Inglês

Módulo Optativo: LIBRAS

Período: 1º ao 10º
Carga horária: 40 horas
Ementa: Aquisição básica da Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS e desenvolvimento de conhecimentos referentes à pessoa surda e seu contexto linguístico cultural com foco na assistência à saúde. 

 

Manoela Almeida Santos da Figueira

Coordenador do curso